Abaixo-assinado pela Clemência Executiva para Dr. Mutulu Shakur

mutulu

Divulgamos aqui a tradução de um abaixo-assinado que está sendo feito pedindo que o Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, conceda clemência ao Mutulu Shakur pelas acusações que o levaram a ser condenado mais de 30 anos atrás.

Mutulu Shakur foi casado com Afeni Shakur, depois dela ter tido Tupac, tornando-se padrasto dele. Foi co-fundador da Republic of New Afrika e participou da fuga de Assata Shakur da prisão em 1979. Foi preso em 1987 e condenado no ano seguinte. Encontra-se preso até hoje.

Assine o abaixo-assinado no link abaixo:

https://www.change.org/p/barack-obama-executive-clemency-for-dr-mutulu-shakur

Tradução

Na semana do dia 10 de outubro, uma petição pela clemência pelo Dr. Mutulu Shakur foi enviada ao Presidente Barack Obama. Por favor, assine para mostrar seu apoio.

Os atos pelos quais Dr. Shakur segue condenado foram cometidos no contexto de um movimento cerca de 40 a 50 anos atrás buscando igualdade de tratamento para o povo preto o qual, como é amplamente reconhecido hoje, estava sofrendo catastroficamente de privamento de direitos, pobreza e exclusão de muitas necessidades fundamentais que fazem fazer viver a vida. Crianças estudantes pretas estavam sendo mortas em bombardeios à igrejas. Líderes civis pretos e de outras etnias estavam sendo acusados de assassinatos. Autoridades da lei, através do programa COINTELPRO, se infiltraram em uma grande variedade de organizações e grupos de direitos civis destruindo suas atividades e, como foi descoberto posteriormente por uma investigação do Congresso, quase sempre causando reações violentas. Naquele tempo, a juventude preta estava paralisada com medo que assombravam seus sonhos, eles duvidavam da sua expectativa de vida e eram forçados a se submeter a abusos, fugir ou desafiar a ameaça.

Dr. Shakur serviu mais de trinta anos em custódia, tendo a condicional injustamente negada por oito vezes de maneira documentadamente descriminatória, assumiu completa responsabilidade por suas ações, serviu como força para mecanismos de disputa bons e alternativos durante suas décadas de encarceramento, é um idoso com múltiplas complicações de saúde e possui uma família adorável que precisa dele, ainda mais depois que sua ex-esposa, Afeni Shakur, faleceu em maio. Com sua libertação, ele continuará a inspirar pessoas a buscar melhorias através de meios pacíficos e construtivos, como tem feito enquanto encarcerado, como fez com seu falecido filho Tupac.

Em suas próprias palavras, “Por muitos anos eu tenho sido um firme defensor do estabelecimento de um processo de reconciliação verdadeiro para tratar de problemas de desigualdade racial e econômica. Eu fui influenciado por exemplos na África do Sul, América Latina, Irlanda do Norte e aqui nos Estados Unidos por esforços na justiça restaurativa através da busca da verdade e reconciliação…

Eu não posso desfazer a violência e tragédia que aconteceram mais de trinta anos atrás. Mas por diversas décadas, enquanto encarcerado, eu me dediquei a ser um curador, espalhando uma mensagem de reconciliação e justiça e fazendo um papel positivo nas vidas daqueles que entram em contato comigo dentro e fora da prisão…

Este país não é o mesmo país que era na época da minha condenação e eu vivi tempo suficiente para entender as mudanças que o país e eu passamos. Eu sempre me importarei com a liberdade e igualdade para os pretos estadunidenses, para o povo marginalizado e classes mais baixas desse país e do mundo. A luta nunca foi sobre mim, mas pela vontade do povo.

Anúncios

3 comentários Adicione o seu

  1. Francinete Godói Shakur disse:

    Dr. Mutula, grande homem. Idealista revolucionário grande pensador. Nos negros devemos muito a ele. Espero que seja feita justiça. Pois ja se passaram tantos anos. Acho q os erros dele ja foram pagos. Meu total respeito a ele. Que esta entre os homens que mais admiro na terra.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s